Inspire-se, Moda, Red Carpet, Trend

Vestidos de capa e sua elegância vintage

O vestido de capa de Gwyneth Paltrow no Oscar de 2002.

O vestido de capa de Gwyneth Paltrow no Oscar de 2002.

Volta e meia alguém desfila na passarela ou no red carpet uma moda retrô e logo essa moda vira tendência de novo. Lembro de uma cerimônia do Oscar em que quase todas as mulheres usaram peplum, na hora eu estranhei a tal sainha rodada, mas não passou um ou dois aos para eu aderir ao basque também.

A história do vestido de capa foi parecida. Na noite mais importante do cinema do ano de 2002, a atriz Gwyneth Paltrow usou um vestido de capa braco Tom Ford, aliás, foi o estilista que teve a ideia do look.

“Este foi o único vestido que provei e na hora pensei ‘é um pouco diferente, de um jeito nostálgico’. Eu vi uma foto de Jackie O. com um vestido branco e uma capa e já faz algum tempo que ninguém usa uma capa, com exceção do super-homem”, brincou a atriz no programa de culinária “The Chew”.

De fato, fazia bastante tempo que ninguém usava capa, tanto que eu nem conhecia essa tendência do caple dress, ou vestido de capa. O look ao lado (esq.) ficou impecável na bela atriz e combinou com o estilo minimalista dela, né?

A foto que de Jackie O Kennedy é que está abaixo e foi usada pela primeira-dama americana em 1961.

Jackie Kennedy e JFK nos anos 1960

Jackie Kennedy e JFK nos anos 1960.

Os looks são bem parecidos e elegantes, não?  Mas a verdade é que a capa não foi novidade nem nos anos 1960, ela já aparece há muito tempo na História da Moda por homens e mulheres, foi moda na Espanha no séc. 16, por exemplo.

Mas voltando aos anos 2000, não deu outra, a capa voltou com tudo nas festas e tapetes vermelhos mais descolados depois daquele Oscar até hoje (mais de 10 anos depois).

Não foi uma moda que pegou de imediato, mas, aos poucos, foi conquistado mulheres clássicas, sem contar que favorece a silhueta (alonga e esconde os braços – para quem não se sente à vontade de mostrá-los). Boa opção para mulheres mais velhas (mães de noivas, por exemplo), sim, mas para as fashionistas de plantão de todas as idades também.

Confira algumas famosas que têm usado a capa nas últimas festas e inspire-se! Ah! Repare que a capa pode ser mais curta, fluida, estruturada, tem inúmeras variações. Mas a comprida e branca é uma das favoritas ainda.

Parece ideia de “vovózinha”, mas bem que a capa pode ser sexy ou moderna, não? Eu estou louca por um vestido de capa curto, como o da Elizabeth Olsen! Ótimo para festas durante o nosso inverno ameno.

Compartilhe
0 Comente aqui
Comente pelo facebook
* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça nos comentários? Clique aqui

Escreva seu comentário